Ídolos do coração


“E Deus falou todas estas palavras: “Eu sou o Senhor, o teu Deus, que te tirou do Egito, da terra da escravidão. “Não terás outros deuses além de mim. “Não farás para ti nenhum ídolo, nenhuma imagem de qualquer coisa no céu, na terra, ou nas águas debaixo da terra. Não te prostrarás diante deles nem lhes prestarás culto, porque eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso…
Êxodo 20.1-5 


A palavra “ídolo”, está relacionada à adoraçãodevoçãoveneração a alguma divindade, pessoa ou uma coisa intensamente admirada.
No sentido bíblico, ídolo é qualquer coisa que tome o lugar de Deus ou sua honra.
Porém, existe um tipo de ídolo que muitas vezes não aprendemos sobre ele e até temos em nossas vidas, ÍDOLO DO CORAÇÃO.

Algumas das autoridades de Israel vieram e se sentaram diante de mim. Então o Senhor me falou: “Filho do homem, estes homens ergueram ídolos em seus corações e puseram tropeços ímpios diante de si. Devo deixar que me consultem?

Ezequiel 14.1-3


O que são ídolos do coração?

Nesse sentido mais amplo, todos os homens, com bastante frequência, se não mesmo continuamente, são idólatras: Não apenas de imagens ou esculturas, mas de objetos, pessoas, anseios e de si mesmo.
Tudo quanto se torne excessivamente importante em nossas vidas pode tornar-se um ídolo para nós.

Qualquer coisa que ocupe excessivamente o nosso tempo, nossas forças, intelecto e vontade pode ser uma manifestação de idolatria.
A idolatria é má porque seus devotos, em vez de depositarem sua confiança em Deus, depositam-na em qualquer outra coisa que não seja o Verdadeiro Deus para nos tornar felizes.  
               
Um grande problema, é que geralmente para nós, ídolos são só os que existem construído pelas mãos humanas, mas eles também podem estar no mais profundo do nosso coração e não percebemos.
Lembra do jovem rico? Veja o que Jesus disse para ele:

Jesus respondeu: Se você quer ser perfeito, vá venda os seus bens e dê o dinheiro aos pobres, e você terá um tesouro nos céus. Depois, venha e siga-me.” Ouvindo isso, o jovem afastou-se triste, porque tinha muitas riquezas.” Mateus 19:16-22

Aquele jovem tinha um ídolo, o dinheiro, ele queria Jesus, mas ele queria Jesus como mais um ídolo em sua vida, como? Imagine uma pizza inteira, agora imagine ela cortada em oito partes antes de ser servida. O que aquele jovem queria é que Jesus fosse uma parte, não o todo em sua vida, pois o todo era ocupado pelo dinheiro. Então, ao Jesus pedir para ele dar o seu dinheiro aos pobres, só estava mostrando o ídolo do seu coração.
Em nossas vidas muitas vezes não é diferente, existem coisas que não largamos, que não abandonamos, por que achamos que necessitamos daquilo para viver, e que nossa felicidade depende daqui.
Eis algumas perguntas para analisarmos:

  • Eu trocaria Jesus por outras coisas? Ou já tenho trocado?
  • O que é que o meu coração mais quer, deseja, almeja, ama?
  • O que eu acho que é mais precioso nessa vida?
  • O que é que mais temo perder?
  • Em quem ou que eu confio para a minha felicidade?
  • O que acho que mais preciso para ser feliz ou ter significado na vida?

Se eu responder a qualquer destas perguntas com qualquer outra coisa que não seja Jesus, então essa tal coisa funciona como um ídolo em sua vida!
Talvez há ídolos em sua vida, ídolos do coração, deixe-os aos pés da Cruz, consagre sua vida e busque me primeiro lugar o reino de Deus, que Ele há de te sustentá-lo/a em todas as suas necessidades.

“Busquem, pois,  em primeiro lugar o reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas lhes serão acrescentadas”  (Mt.6:33)

Deus abençoe sua vida!

Rev. Davi Helon